quarta-feira, 6 de junho de 2007

As canções perfeitas de Cat Power


Chan Marshall (a.k.a. Cat Power) em foto de Steven Gullick

Cat Power vicia. Estou muito evidentemente viciado, aliás, e isso já dura uns bons anos. Desde que ouvi Moonpix e What Would the Community Think, pelo menos.

Ela compõe coisas impecáveis de extrema simplicidade, interpreta outras que você achava que eram definitivas ("Wild is the Wind", ou "Satisfaction") substituindo-as no seu prazer auditivo.

Sua voz encantadora entra numa canção com a mesma familiaridade com que a maior parte das pessoas abre a porta de casa.

Não tenho como falar da música dela de um jeito coerente, bem proporcionado, etc. Eu até gostaria.

The Greatest é um disco tão perfeito como coleção de canções perfeitas que é possível ouvir por dias, semanas, meses a fio sem perder aquela preciosa sensação de estar ouvindo algo belíssimo pela primeira vez.

Daí que canções como "The Greatest" ou "The Moon" têm algum feitiço nelas. Eu sei que têm.

3 comentários:

Marina disse...

Adoro esse disco, Dirceu. Aliás, adoro Cat Power. Conheci depois de dica da musa PJ Harvey e me apaixonei!
Ps- Boas vindas à blogosfera!

ana rüsche disse...

eis a garota, a foto é linda.

contudo, manterei a devida precaução a acordes depressivos.

beijos

Dirceu Villa disse...

Muito obrigado pelas boas-vindas, Marina. E grande PJ Harvey, oui, oui.

E a srta. Marshall está mesmo uma graça na foto, Ana, caríssima.

Beijos,

D.